COPA KAISER 97

HOME

FERAS DO LEÕES LEVAM SUPERTÍTULO

Vitória sobre o Pânico garante o título de campeão geral da "Metropolitana". Duelo entre Capital e Grande São Paulo foi vibrante.

Definitivamente, o Leões da Geolândia, da Vila Medeiros, time guerreiro e competente, inscreveu seu nome como um dos grandes do futebol amador de nosso Estado. Não bastasse ter conquistado, há duas semanas, o título da Capital, repetiu mais uma bela atuação e venceu o Pânico, de Cajamar, campeão da Grande São Paulo, por 3 a 1, sagrando-se Campeão Geral da II Copa Topper Metropolitana de Futebol Amador.
Tão incontestável quanto a vitória e o título foi o futebol apresentado nessa final. De toques rápidos, passes longos, dribles insinuantes. E olha que o adversário, leal e corajoso, jogou franco e sem medos. Mas caiu nas garras afiadas desses "Leões", time jovem (é de 01/09/2000), mas com história de fazer inveja a muitos veteranos.
Promoção da Associação Paulista e apoio da Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer do Governo do Estado e Topper, além de oficialização da Federação Paulista de Futebol, a Copa Metropolitana é uma realidade, como enfatiza o Secretário Lars Grael: " A cada ano que passa ela não só fica melhor, como cria vínculo e belas histórias com a cidade".

Pânico FR / Cajamar foi vice-campeão

Leões da Geolândia/Vila Medeiros: 3
Fabinho; Ricardo Rocha, Odvan, Pesão e Maloca; Café, Charles e Tuquinha (Migué); Tininha (Ney), Titei e Indinho.
Técnico: Índio.

Pânico FR/Cajamar 1
Bacalhau; Pedrinho (Abuda), Terrinha, Costela (Camarão) e Morales; Nildo, Felipinho (Teba) e Nardoni; Renatinho (Binho), Chuaua e Lezinho. Técnico: Peru.

Local: Estádio do Nacional Atlético Clube
Avenida Marquês de São Vicente, 2477, Água Branca
Data:
27/11/2005
Horário:
11h45
Gols:
Tininha (2) e Indinho, para o Leões e Nardoni, para o Pânico.
Árbitro:
Rodrigo Martins Cintra (quadro de Árbitros da CBF)
Auxiliares:
Márcia Simionato e Fabrício de Moura
Bom do Jogo:
Indinho, do Leões da Geolândia